Dívida De Cartão De Credito Caduca Depois De 5 Anos?

Dívida de cartão de credito caduca depois de 5 anos?

O devedor frequentemente se vê como um grande refém das administradoras de cartões de crédito, tudo porque os juros abusivos inviabilizam o pagamento da dívida, esta que cresce mensalmente, mesmo realizando o pagamento por parte do valor da dívida. Ao contar com o nome sujo, a dívida apenas cresce, já que na maioria das vezes as administradoras estão dispostas para negociar, e as taxas de juros inviabilizam o pagamento.

Levando em conta as questões legais, o nome do consumidor poderá ficar incluso em órgãos de proteção de crédito por um prazo máximo de cinco anos, após este prazo, o CPF deverá ser retirado dos órgãos de proteção, mesmo que o débito não seja quitado anteriormente.

Mas a pergunta que não quer calar é se é verdade que em cinco anos a dívida com cartão de crédito caduca, se não for paga?

Sim, isto ocorre, mesmo depois de cinco anos, que você não paga a dívida com cartões de crédito, ela precisa ser retirada dos órgãos de proteção ao crédito, como por exemplo o SCPC ou o Serasa, a partir disto, você terá o seu nome limpo. Apesar disto, para a empresa credora a dívida sempre irá existir, podendo ser cobrada de forma mais amigável.

Após 5 anos, a dívida prescreve dos órgãos de proteção de crédito, desta forma, é possível que os consumidores consigam crédito em outros bancos ou mesmo financeiras, apesar disto, para o credor a dívida sempre irá existir. Além disto o nome limpo não significa crédito fácil, tudo porque o consumidor terá o seu Credit Score rebaixado, e então o ideal é tentar negociar as dívidas, mesmo que já tenham sido removidas dos órgãos de proteção ao crédito.

Verdades e mitos sobre as cobranças

É possível que uma pessoa seja presa por uma dívida de Cartão de crédito?

De forma alguma, isto é um grande mito, já que no Brasil a prisão que ocorre por dívidas de cartões de crédito, ou em qualquer outra esfera comercial, apenas acontecerá no caso de o devedor não pagar pensão alimentícia por exemplo.

Após cinco anos, a dívida acaba deixando de existir?

A resposta para esta pergunta é um grande mito, para os credores, a dívida sempre irá existir, o que acontece é que o débito poderá ser retirado dos órgãos depois de cinco anos, já que por questões legais, as empresas poderão manter o cadastramento de inadimplências com dívidas de até cinco anos nos seus sistemas.

Mesmo que a dívida não seja paga, depois de cinco anos o nome sai do SCPC e do Serasa?

Sim, é verdade, as dívidas apenas poderão constar nos sistemas em até cinco anos, após este prazo, mesmo que a dívida não seja paga, ela poderá ser retirada de cadastro de proteção ao crédito. Caso a dívida caducar, a pontuação de credit Score poderá ser devidamente afetada. Como resultados o usuário terá por um bom tempo dificuldades com relação ao pagamento das dívidas e informações diversas que possam facilitar seu crédito para novas compras no futuro.

O ideal é procurar negociar da forma mais amigável possível as dívidas, mesmo que muitas vezes as instituições financeiras não tenham este interesse, é fundamental que a negociação ocorra, e durante o período, até mesmo antes de 5 anos, já é possível realizar negociações justas e razoáveis para que a dívida seja paga. O melhor a se fazer é aguardar as propostas das instituições financeiras que certamente irão oferecer a melhor alternativa para a sua situação.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PUBLICAÇÕES RECOMENDADAS